Arquivo do blog

por Suelen Castilho. Tecnologia do Blogger.

Retorno


Sempre tive medo dessa eterna falta do que falar
As folhas nunca ficaram tão brancas e intactas.
Mesmo com palavras soltas e um emaranhado de sentimentos.
Falta colocar em ordem
A casa, a vida e o coração.


Oh, darling...


Eu quis escrever pra você e dizer tudo que senti por anos.
Contar que por noites só fiz chorar.
Falar de todas as dores e do que ainda batia aqui, insistente.
Eu quis listar as minhas fraquezas e te fazer responsável por parte dos meus defeitos.
Soltar todos os monstros. De uma só vez, sem pensar.
Eu quis te culpar pelos erros, e fiz
Da mesma forma que você fazia.
Eu quis escrever todas as canções e relembrar.
Todas que pensei que fossem.
Foi então que eu percebi que era apenas uma, e ela nem falava de amor.